quarta-feira, 20 de outubro de 2010

O bom sentimento não trai...

Olá alados queridos,
estou outra vez nesse nosso céu, para um novo encontro, para alguns, para um reencontro, pois tenho necessidade da minha alteridade constitutiva, destas, as minhas preferidas são vocês!
         Gostaria de propôr como tema ao nosso dialogo uma reflexão, ou melhor, um momento para darmos mais atenção aos nossos sentimentos, tanto aos bons quanto aos maus. Principalmente, porque atualmente falar de sentimento é expor fraquezas, mas para esta autora, simplesmente é expor "franquezas".  Sim, trata-se de coisas nossas, todos somos constituídos por RAZÃO e EMOÇÃO, embora muitas vezes tenhamos que escondê-las. Hoje em dia, fica assim, "não fale de seus problemas que ninguém gosta", "busque não falar de coisas difíceis pois contagia", "problema teu", por aí a fora. Contudo, TODOS, apresentamos alguma fraqueza muitas vezes consequência dos nossos sentimentos (FRUTO da EMOÇÃO HUMANA). É humano representar dores e sensações ORGÂNICAS, socialmente por meio da língua convencionamos por nomes ABSTRATOS, afinal de contas, não conseguimos tange-los tal como as coisas materias. Ou seja, ninguém VÊ sentimento, já que só podemos SENTI-LOS. É natural, biológico, social, psicológico, aliás, é HUMANO sentir DOR. Não se envergonhe, não pense que virou EXTRA-terrestre, não FINJA que não está sentindo, lembre-se ser HUMANO é ter sentimento e socialmente representá-los. Na música "O ere" do Cidade Negra é linda e, HOJE EM DIA, SURREAL a discussão que gira em torno do sentimento como algo PURO, já que absolutamente HUMANO. O ere para o Candomblé é um processo que intermedia o momento de transe, isto é, "aparece instantaneamente logo após o transe do orixá, ou seja, o Ere é o intermediário entre o iniciado e o orixá"(FONTE: http://www.brasilfolclore.hpg.ig.com.br/ere.htm).  No entanto, reconheço que na letra desta música, além de de se ressaltar o questão da cultura afrodescendente no Brasil,  trata-se, sobretudo, sobre o sentimento, o qual é inclusive comparado a uma "criança sincera"e a própria "convicção", o que está relacionado à capacidade de, enquanto seres humanos, conseguirmos ser AUTÊNTICOS. Isto muito porque, atualmente, temos que FINGIR, FORJAR, tanta INDEPENDÊNCIA, tanta AUTO-SUFICIÊNCIA, que não nos sobra espaço para sermos HUMANOS, com nossos vícios e, principalmente, com nossas virtudes. Acredito que os VÍCIOS são produzidos por nossa capacidade não conseguir aprender, crescer com nossos erros, nos transformar, aprender, principalmente, diversificar horizontes. Já as VIRTUDES são nossos sentimentos, nossos aprendizados, nos amores, nossas amizades, aquilo que construimos e que contribui para a nossa vivência e a de outros.
       LEMBRE-SE não somos traídos por nossos sentimentos, nós é quem traimos outros ou a nós mesmos. Não se engane, você está sentindo algo, nem tema isso é NORMAL e humano.
Seja livre e aprecie está música.

O Ere (Cidade Negra)

Prá entender o Erê
Tem que tá moleque
Uh! Erê, Erê!
Tem que conquistar alguém
Que a consciência leve...
Há semanas em que tudo vem
Há semanas que é seca pura
Há selvagens que são do bem
Há seqüência do filme muda...
Milhões de anos luz
Podem durar o que alguns segundos
Na vida podem representar
O Erê, é a criança sincera, convicção
Fazendo a vida como o sol nos traz...
Você sabe
Que o sentimento não trai
Um bom sentimento não trai...
Prá entender o Erê
Tem que tá moleque
Uh! Erê, Erê!
Tem que conquistar alguém
Que a consciência leve...
Pare e pense no que já se viu
Pense e sinta o que já se fez
O mundo visto de uma janela
Pelos olhos de uma criança...
Milhões de anos luz podem curarO que alguns segundos
Na vida podem representar
O Erê, é a criança sincera, convicção
Fazendo a vida
Como o sol nos traz...
Você sabe
Que o sentimento não trai
Um bom sentimento não trai...
Você sabe!



quinta-feira, 7 de outubro de 2010

Uma esclada... Hellenzitah seu vôo é vento nas minhas asas

video
Fiz esse vídeo para o S2 da minha vida, minha alma gêmea, minha irmã linda! Ela também precisa ESCALAR uma grande montanha, mas sei que suas asas são incansáveis, SOMOS GUERREIRAS MANA! A minha família é o meu lar, meu grande amor, meu céu ABRIGO, meu porto SEGURO, meu mar de infinitas felicidades e novidades, são meu TODO, me COMPLETAM! Aos meus amigos abro os braços para que vejam essa declaração de AMOR para minha princesa! Mas também gostaria de dizer o momento é de dificuldades, porque o nosso amorzinho BELINHA está morrendo! Esse vídeo é por gratidão à ela também que me ensinou a dar carinho, a cuidar e RETRIBUIR! Bela vc segue comigo por onde eu for! A minha mãe e irmã, MEU LAR, digo "nossas vidas, nossos sonhos, TEM O MESMO VALOR, vou com você (s) onde você (s) for (em)" (Lugar ao SOL).
Amigos alados, meu céu é de vocês.
Hilda Freitas